Seguros condominiais


Mais do que um ato de proteger o condomínio de acidentes, acautelar-se contra perdas e impedir situações desagradáveis, contratar uma boa empresa de seguros para o prédio é uma tarefa obrigatória para o administrador. Justamente para atender a esta demanda, existem diversas variedades de produtos e serviços no mercado, cada um com uma cobertura especial. Devido a esta ampla gama de quantidade de opções, muitas vezes, a administração de condomínios se encontra numa difícil decisão: saber qual modalidade é a mais adequada para cada situação.

O que diz a lei

Está determinado nos Artigos 1.346 e 1.348 do Código Civil que os condomínios devem realizar no mínimo um seguro obrigatório que proteja a estrutura física do prédio contra riscos de incêndios, queda de raios, explosões e colisões de aviões e outras aeronaves. Com exceção dos condomínios residenciais horizontais onde cada morador fica responsável pela construção de sua própria casa, adquirindo apenas a cota de terreno e a fração que lhe cabe das áreas comuns. Neste caso, o seguro se torna obrigatório somente para os locais de uso coletivo.

Cobertura simples e ampla

O seguro obrigatório de condomínios pode ser oferecido em duas modalidades de coberturas diferentes, a simples e a ampla, sendo que em ambos os casos podem ser contratada garantias adicionais para complementar.  E qual a diferença entre elas?

Cobertura simples

Esta modalidade de cobertura atende apenas riscos de incêndios, queda de raios ou aeronaves e explosões, ou seja, apenas a cobertura básica exigida pelo Código Civil.

Cobertura ampla

Esta modalidade já engloba, além da cobertura básica que consta na modalidade simples, danos ocorridos por alagamentos, inundações, desmoronamentos, furacões, ciclones, tempestades de granizo, tornados, danos na parte elétrica e outras ocorrências que possam causar prejuízos materiais ao condomínio.

A modalidade simples, devido principalmente ao fato do preço ser menor, acaba sendo a mais escolhida pela administradora de condomínios, porém, além da cobertura padrão, na maioria das vezes também são adquiridas garantias adicionais de acordo com as necessidades do condomínio.

Garantias adicionais mais comuns

As garantias extras que mais se destacam são: a garantia acessória de responsabilidade civil do condomínio, que assegura a cobertura em casos de danos pessoais ou materiais causados involuntariamente a terceiros e a garantia de responsabilidade civil para garantista, que cobre roubos ou danos a automóveis guardados no condomínio. Existem ainda coberturas contra a quebra dos vidros da fachada, falhas ou problemas nos portões, além de seguro de vida para os funcionários do condomínio.

0 Responses to “Seguros condominiais”



  1. Deixe um Comentário

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s





%d bloggers like this: