Animais de estimação de grande porte em condomínios – Tudo o que você precisa saber


É quase unanimidade: somos apaixonados por animais. E essa é uma questão muito mais complexa e que não se limita apenas ao amor que sentimos pelos bichinhos, sejam eles gatos, cachorros, pássaros e tantos outros que dão uma cor toda especial às nossas vidas.

É fato que muitas pessoas gostam de ter um animal de estimação em casa. Todavia, quando tratamos de apartamentos e condomínios, existem muitas questões que precisam ser analisadas de perto.

Happy family sitting on couch with their pet labrador at home in the living room

Foi pensando em você, que mora em apartamento e que tem ou que pretende ter um animal de estimação, que preparamos uma série de detalhes para que a sua convivência seja prazerosa e não te traga problemas futuros com vizinhos. Fique atento:

– Não existe uma lei que proíba os moradores de condomínios de ter um animal de estimação. O que existe e vigora na maioria dos casos são algumas regras formuladas na convenção do condomínio;

– Existem regras que prezam pelo bom senso no trato com animais em condomínios, em especial nas áreas de uso comum;

– É preciso ficar atento para os locais determinados para a entrada e saída de animais;

– Você possivelmente vai encontrar resistência de alguns moradores, mesmo que aja sempre de acordo com as convenções estabelecidas. Por isso, procure manter a tranquilidade e tenha sempre consciência dos seus direitos e deveres;

– É indispensável, no caso de cães quando, em áreas de uso comum, que eles estejam sempre de coleiras e, dependendo da raça, que estejam usando também a focinheira;

– Fique atento com relação a fezes e urina de seu animal de estimação. Leve sempre com você um saco plástico ou um jornal, no caso desse imprevisto acontecer. É sua obrigação recolher e levar até a lixeira.

– Procure manter diálogo aberto com seu síndico e priorize a utilização dos elevadores de serviço quando estiver com seu animal de estimação;

– Mantenha-se atualizado com relação às leis e saiba reivindicar o direito de ter o animal no seu apartamento. Saiba: são raríssimos os casos em que ocorre a proibição por parte de juízes. Na maioria das vezes, só é vedada a presença de animais de grande porte em apartamentos quando isso prejudicar o bem-estar do próprio animal e não dos vizinhos. Geralmente é levado em consideração o espaço mínimo que o animal necessita para viver, pensando sempre no temperamento da raça e no tamanho;

– No caso de você ter um cão de grande porte e ele tenha o hábito de latir muito durante a noite, sugere-se que você procure um adestrador para que esse hábito do animal não traga constrangimentos e problemas entre você e seus vizinhos.

Enfim, você sabe que possivelmente encontrará problemas com algum vizinho em função do grande porte do seu animal, que assusta e intimidade as pessoas, na maioria das vezes. Por isso, aja sempre com bom senso, siga todas as regras, entenda seus direitos e os direitos dos outros e, acima de tudo, cuide bem do seu animal.

Em caso de dúvidas informe-se com sua administradora de condomínios  para saber atitudes que seu condomínio pode tomar.

0 Responses to “Animais de estimação de grande porte em condomínios – Tudo o que você precisa saber”



  1. Deixe um Comentário

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s





%d bloggers like this: